domingo, 21 de março de 2010

02x23 - Soft Light (Luz Suave)

Direção: James A. Contner
Roteiro: Vince Gilligan

Resumo: Não oficialmente, Mulder e Scully são chamados para ajudar na solução de um caso onde as pessoas estão desaparecendo misteriosamente, deixando apenas um rastro de cinzas...



Comentários:

[Josi]
Primeiro: O que acontece com gente curiosa e temerária?
<--- Isto.




Segundo: Monk é fofo. Fato! Mas este Dr não...





Bom, este episódio está aqui pra provar que não é apenas o Mulder que tem amigos-malas... A Scully também tem a sua cota.

Ryan: "Ouvi muito falar de você." - Humm... nem fora do trabalho, Scully deixa de pensar em Mulder...
Mulder: "Nós conversamos depois." - falando para a Scully...
Morra de inveja, Det. Ryan!

Ryan: Você não acha que algo passaria por aí, não é?
Mulder: Nunca se sabe...




Pois é... a nossa Scully estava lentamente se abrindo à possibilidades extremas.

Eu teria cuidado com estas duas aí atrás se fosse o Mulder! Olha o jeito que estão olhando pra ele! kkkkkkkkkkkk (ok, estou um pouco influenciada pela Ariana... sorry... :-))


Mulder: Combustão Humana Espontânea.
Scully: Você está brincando não é? Isso não tem base científica.




[Abrindo parênteses]
Anos depois...
Scully: Combustão Humana Espontânea.
Mulder: Querido diário, hoje meu coração pula ao ouvir a agente Scully sugerir Combustão Humana Espontânea.
Ai... aquela carinha...
[Fechando parênteses]

Scully: "Este ano vou te dar de presente de aniversário um cinto de utilidades!"
Vocês veem esta foto e acham que eles estão pensando em quê? Pois é... eu também! kkkkkkkkkkkkkk


Bom, eu notei que a Scully estava um pouco mais retraída neste episódio... especialmente tolhida. Sei lá...

Fato é que se não fosse pelo Mulder atirar nas lâmpadas, a Scully também teria virado uma pocinha de luz e cinzas.

Enquanto a Scully se decepciona com a amiguinha, Mulder se decepciona de novo com o X... Eita, bichinho chato! E ainda deixou como herdeira aquela loira azeda... aff...

Mulder: "O fato dele ser paranoico não significa que o que ele fala seja mentira" - Pois é... veja o Mulder... ele não mente. rs

Mulder: "Oh, damn it!"
Sabem, podem me chamar de sádica e sem coração, mas eu adoro a forma como eles não dão tanta importância assim quando qualquer outra pessoa se acidenta ou morre, whatever... Se fosse um dos dois, a coisa ficaria muito feia! rsrs Ah... que gravata feia danada essa do Mulder!

Ok... não entendo nada disso de matérias negras e muito pouco disso da sombra dele ter se tornado tipo um buraco negro... mas a sombra-buraco-negro dele era seletiva? Só sugava matéria humana?

Este é o mesmo médico de... Sombras, acho... (irônico, não?)





Tadinho do Monk... acho que foi assim que ele adquiriu aquele transtorno obsessivo compulsivo dele... own...




[/Josi]



[Cleide] Scully é mesmo uma caixinha de surpresas... nesse episódio ela contraria Mulder, dizendo que não é possível combustão humana espontânea, mas na sexta temporada, ela vem com a ideia no episódio Trevor e diz que há casos bem documentados! Aff!

O "quero acreditar" dele ajuda muito...

Acho que é isso que faz toda diferença...não é esse o presente que Scully diz ter ganhado de Mulder na oitava temporada... algo como ter perdido o medo de acreditar? [/Cleide]

[Star] Gosto muito do tema desse episódio, essas questões que envolvem os rumos das físicas menos tradicionais. Desde o entendimento do quantum e de que a matéria não é tão sólida quanto imaginávamos, a ideia de partículas sub-atômicas difíceis de serem teorizadas - mas de uma existência possível - gera muitas hipóteses por aí... Se você estuda matéria negra (dark matter), nada como uma SOMBRA para tirar sua autonomia ou te transformar em um Deus (depende do ponto de vista).

Angustiante a cena do Monk tentando ficar longe da luz para não provocar a sombra e melhor ainda é o SUPER-MULDER sacando que o cara estava fugindo disso:

Mulder: "E se o Dr. Banton... olha aqui, não há sombras."
Scully: "O que você quer dizer?"
Mulder: "As luminosidade aqui é difusa. É luz suave. E se era isso que o Banton procurava?"
Scully: "Procurando por sua sombra?"

Yeahh!!! [/Star]

Mulder: "Você não põe seus interesses na frente do seu trabalho."- Adoro isso, o mulder não trata a scully diferente por ser mulher. Ele na verdade não trata ninguém diferente, como a scully disse em O VINGADOR ”mulder não tem preconceitos, nem pré-julgamentos” [Tessa]

Quotes:

Mulder: Espero que saiba o que faz ao colocar as ambições da detet. Ryan em primeiro lugar.





Scully: Ambições? Ela é uma mulher tentando sobreviver no clube do bolinha. Acredite, sei como ela se sente.
Mulder: Você não põe seus interesses na frente do seu trabalho. E isso é o que está acontecendo aqui.

Scully: Veja bem, não temos qualquer jurisdição aqui. Estávamos fazendo um favor.
Mulder: E acabamos de passar uma bomba atômica para os escoteiros.
Scully: Tenho certeza que irão tomar precauções.

Mulder: Garanto que Oppenheimer também ouviu o mesmo do governo que Banton teme tanto.
Scully: Você acredita nesta paranóia de estudo do cérebro?
Mulder: Aquele homem está com medo, e não é só de sua própria sombra.

Mais Imagens e Quotes de Soft Light:

Monk Dr. Chester Banton.

O estado a que os corpos são reduzidos...

Scully: Bem, talvez a exposição tenha afetado sua mente. Comportamentos repetitivos e sem sentido é um traço comum de doença mental.
Mulder: Você está tentando me dizer algo?

Mulder: Pare! Somos os agentes federais!
Dr. Banton: Isso vai te matar! Não importa quem você seja!

Mulder: Ele acredita que o governo quer pegá-lo.
Mr. X: É a temporada do imposto, todos os americanos acham o mesmo.

A chata Det. Ryan.

O triste final...

10 comentários:

Bracho disse...

"Mulder não trata ninguém diferente, nem tem pré-julgamentos"...além de sua paixão por aprender e sua lealdade incondicional, esse deprendimento de julgamentos é a coisa que mais invejo no nosso narigudo..rs.

Bj, meninas!

* minha palavra de confirmação: "scaly"...rs.

Yanne Celly disse...

È triste a situação do Dr Banton já pensou o que significa destruir tudo ao seu redor inconscientemente!aff


Mas, o que vale é Scully no epi toda convencida monstrando amiga que tem um parceiro fooooofo, inteligente ( e sim meio maluquinho, detalhe) e matando a amiga de inveja.

bjim pro ocês!

Ariana disse...

Josi: "Eu teria cuidado com estas duas aí atrás se fosse o Mulder! Olha o jeito que estão olhando pra ele! kkkkkkkkkkkk (ok, estou um pouco influenciada pela Ariana... sorry... :-))" (*.*)

Cuma??? Desse jeito vão pensar que eu só penso em sacanagem e prevaricações... affff...

Mas tem umazinha na estação ferroviária que dá uma secada no meu querido na cara dura! Uma loira mocoronga saída da zona mais fétida e purulenta! FALEI!FATÃO!!!

Ariana disse...

Owwwnnnn... o próximo é Nossa Cidade... *-*

Amo tanto!!!!!

Ariana disse...

Agora que notei que me chamaram de "Ariana"... *meeedoooo*

Ok, é meu nome, mas ninguém me chama assim.
Vou levar bronca? +.+

(Eu dou PLÁH!, hunf!)

Josilene disse...

Olá Pessoas!

Primeiramente... nossa! Amo muito esse ep!

Pois é, Bracho... eu tb amo esse jeitinho meio inocente de Mulder. Isso dele não julgar antecipadamente nem criar juízo pelo que foi... interessante isso... muito.

Muito triste mesmo, Yanne... é como um toque de Midas... sempre achei triste essa história de vc não poder tocar em nada que ela se transforma/destrói.


"Cuma??? Desse jeito vão pensar que eu só penso em sacanagem e prevaricações... affff..." - by Nana. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Na verdade... eu pensei que elas iam atacá-lo para algum outro tipo de maldade! Não esta em especial... mas... se vc diz.... hauahuahuahauahuahau

SIM!!! Eu notei a olhada da criatura! E Scully tava chegando bem na hora... Loira azeda, po! Secando o querido! aff...

Nossa Cidade é o do canibalismo, né? Ixi... nojinho... Gosto tb! \o/

Ah... eu te chamei de "Ariana" sim... mas é pq faz muito tempo q eu tinha escrito esse comment... só não quis mudar... so... don't worry. hihihi

Bjin a todas e todos. :-)

Ariana disse...

AAAAAAAAHHHHHHHHHH...
Essa Kelly Ryan é interpretada pela mesma atriz que fez o lado feminino (e feio) do Marty em "Assassino ou Assassina"!!! :D
A mesma que esteve a ponto de traçar o Krycek. Certo, não era ele ainda, mas gosto de pensar que sim, afinal, o sujeitinho merecia!

E, como a Josi aqui, sempre que vejo o teaser deste episódio, me vem imediatamente à memória aquele dito: "de curiosidade morreu o gato" (nem sei se é assim mesmo, confundo os tantos ditos). O fulano foi bisbilhotar o que estava ocorrendo do outro lado do corredor e... desintegrou. Isso serve de alerta para as pessoas curiosas, que ficam de bituca na vida alheia. Vocês morrerão!!!

Também amo a cara de fuinha da Scully quando a Ryan lingaruda conta que a ruiva não para de falar no narigudo. Mas, convenhamos, como não falar, não pensar nele? Mas à resposta dele para a Scully - que conversariam mais tarde -, bem... acho que ela preferiria fazer outra coisa mais tarde... rsrs...

E quanto à última cena, com relação ao destino final do Dr. Benton, a sensação que fica é um misto de horror e piedade. Horror diante da frieza e indiferença desses homens que conduzem os experimentos.

Vanna disse...

Eu achei legal esse episódio, apesar de achamr meio bizarro a forma que as pessoas morrem, mas enfim...

Dados momentos eu tive vontade de socar aquela amiga da Scully, num momento era só sorrisos e depois ficou toda metidinha achando que tinha resolvido o caso, gostei da forma q ela terminou, foi merecido.

Ah sim, depois que terminei de assistir o episódio, fiquei me perguntando o que o ator que fez Dr. Benton e hj o amado Monk, deve ter achado mais maluco de fazer, uma cobaia ou um paranóico ?

beijos

janaX disse...

Bão,adoro esse ep,adoro o Toni Sh...o Monk!E também detesto aquela amiguinha desmilingüida da Scully,tipo,ela pede ajuda,pega todas as pistas,fica com o crédito e ainda bota tudo a perder e vira gosminha cósmica...que mico!Gente não sei se é só comigo,mas cada vez que assisto esses eps em AX assim sobre física,sobre essas coisas que eu desconheco total,fico pensando depois e pensando:vai saber o que esses cientístas gênios fazem nesses laboratórios subsidiados por grandes governos,organizacões,regados à muito dinheiro pelo mundo à fora?!Eu fico meio cabreira com tudo que é possível fazer e que nem temos conhecimento e nem se faz questão que tenhamos(será que estou sendo paranóica como alguém que eu conheco?KKKKKKKKKK!)tanto por parte do Governo quanto de grandes instituicões!KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK Eu tbém adoro Nossa Cidade,o ep das galinhas!!!Adoro galinha(viva e com penas!),acho um animal muito estranho e interessante e sempre que vejo uma não consigo parar de olhar!!!Bem Josita por hj era isso que tínhamos pra compartilhar...beijão e até...

Josilene disse...

own... saudades de monk... rs

Jana... lá em casa, meus pais criavam galinhas. kkkkk Já sei que vc ia amar. ahuahua E tb sou superparanóica! kkkkkkkkk Não sei se eu aprendi isso com Mulder/CC ou se eu já nasci assim e a série me aprimorou essa "qualidade". rs